Sou tão parvinha

Posted quinta-feira, 3 de dezembro de 2009 by Aleinad

Mesmo quando atingi o meu peso mais baixo, no ano passado, ou seja, 55 kgs, eu achava que estava gorda, que ainda não era suficiente e por isso dei por mim e não sei porquê, a começar a comer como uma desalmada!!
Não era suposto fazer exactamente o contrário???
Pois bem, era capaz de comer um bolo por dia, tipo bola de berlim ou croissant... chegava a casa e antes de ir dormir ainda comia um pacote de bolachas de preferência que tinham chocolate... voltei a frequentar os restaurantes de fast-food... uma tristeza... e lembro-me de andar no ginásio e todos os meses nos pesávamos e medíamos e num mês engordei 2 kgs e elas não acharam muito normal... a veradade é que tinha tanto apetite mas tanto apetite que me apetecia comer este mundo todo!
Depois lá ganhei consciência da parvoíce que estava a fazer a mim própria e parei!
Depois pronto... veio aquele meu problema de saúde e tal... esta parte já não interessa.

Este meu post vem a propósito de quê? Perguntam vocês...

Nem eu sei LOL

Cheguei à conclusão que não posso fazer dieta só enquanto quero perder peso. Tenho de fazer dieta ou uma alimentação equilibrada para sempre... isto de engorda, emagrece, engora, emagrece não me leva a lado nenhum... só a um mundo de frustações, depressões, baixa auto-estima, isto dá cabo de mim...
Estou a ser radical?? Não, é a verdade. É como eu me sinto.
Não me sinto obcecada em perder peso nem faço disso o meu maior motivo de felicidade... mas tenho de meter na minha cabecinha que não sou uma pessoa que pode comer à vontade e o que quiser sem engordar. Sim, porque isto é o sonho de qualquer pessoa!

Ás vezes pergunto-me se vale a pena comer um chocolate ou um bolo ou ir à Pizza Hut.. na altura não me parece nada mal mas depois penso da última vez que me senti frustada e arrependida... ou então lembro-me do meu par de calças que está guardado à espera que eu o volte a usar... aí sim, eu consigo dizer NÃO!!
Mas não sou perfeita! Não consigo dizer sempre não, a veradade é essa.
Mas sinto-me com força e posso dizer que neste momento, na maior parte das vezes, consigo controlar a minha boca.

Detesto sentir-me mal comigo própria. E quando faço asneiras alimentares... bem, se arrependimento matasse... No entanto, quando sei quando posso ter direito a um miminho e aí sim, como com satisfação e sem arrependimento.

Gostava tanto de ser esquisita e não gostar de doces...........

Enfim..

Sorry o meu desabafo... mas ás vezes sinto-me mesmo uma parvinha por permitir que a minha gula fale mais alto que o meu bom senso...

Beijossssssssssssss

7 comentários:

  1. Íris

    Pois, na verdade eu sou exactamente como tu, não me posso descuidar nunca, se descuido subo logo de peso, temos que saber viver com o facto de ter uma alimentação equilibrada para toda a vida, porque caso contrário volta tudo ao mesmo. Mas ainda bem que já te consegues controlar a maior parte das vezes, parabéns por isso, só prova que não tens nada de parvinha e quando algo nos está entalado devemos mandar cá para fora, desabafar, isso é muito importante! Beijinhos

  1. Guerrera

    uff, esse teu desabafo podia ter sido escrito por mim!
    eu no ano passado tb qnd atingi o peso que eu considero ideal, achava-me gorda e comecei a comer coisas que nao comia ha meses! conclusao: engordei quase tudo outra vez!

    realmente este engorda-emagrece-engorda-emagrece é mt frustrante e é cansativo! e o problema é que dps nao conseguimos pensar em mais nada! é como se todo o nosso foco de atençao tivesse virado para aí! (nao sei se te acontece o mesmo)

    muitos beijinhos

  1. Lilith

    :) não és nada parvinha! o problema é que confundimos a dieta com um período de transição para um corpo que nos agrade e depois paramos, e na verdade não pode ser um período de transição: tem que ser um novo estilo de vida saudável que nos garante uma manutenção do peso que gostamos de ter mas também uma saúde e uma qualidade de vida excelentes. Gulosas todas somos e podes abrir excepções, terás que as abrir porque as delícias fazem parte :D

    Beijos, linda :)

  1. Kilos de mim

    ...tens de fazer uma reeducaçao alimentar, e ir tendo sempre em conta o que comes. Quem tem tendencia para engordar, tem de ter SEMPRE muito cuidado com o que come.
    É uma treta, mas é a nossa sina... há coisas piores ;)

    beijinhoss

  1. ifeelcool

    é pá, mt propositado o teu desabafo e é bom que se registe sempre ideias e desabafos destes. sabe-se lá quando precisamos de ler umas verdades destas para nos recolocar no trilho certo novamente. tás mt consciente e no rumo certo a meu ver. aliás, tás no memso ponto numeral que eu! eu n sei é se teria coragem de colocar um '55kg' como meta. pá, nem sei o q é ter esse peso!!

    Muita força tenho a certeza que vais chegar a ele!

  1. ѕιиιинσ

    É vdd... Sou igual... Não temos que fazer dieta mas sim uma reeducação alimentar e depois é para sempre...

    Força.

    Bjocas
    Sininho (CC)

  1. Luciana

    É tão verdade tudo isso que descreveste que até dói. Também já passei por tudo isso vezes sem conta e, agora que a minha meta de emagrecimento está próxima, começo a pensar como vai ser o meu próximo e grande desafio: manter o peso. É que emagrecer eu sei. Agora, manter é que, até hoje, ainda não consegui. Mas já comecei a perceber alguns factores que nos começam a dar a volta ao esquema quando estamos bem e em breve vou falar sobre eles.
    Até lá, de uma coisa eu sei, força de vontade não nos pode faltar.
    Beijinho

Enviar um comentário

Comenta... diz qualquer coisa :)